Onde ficar em Kuala Lumpur: hospedagem na capital da Malásia

Home » Malásia » Onde ficar em Kuala Lumpur: hospedagem na capital da Malásia
Atualizado em 29/06/2021
Por: Bruno

Atualizado em 29/06/2021
Por: Bruno

Conhecer a capital da Malásia é algo que não pode ficar de fora do roteiro de quem viaja para o Sudeste AsiáticoDepois de escrever sobre o que fazer na cidade, resolvemos trazer opções de onde ficar em Kuala Lumpur para te ajudar ainda mais.

Quando planejamos nossa longa viagem pelo Sudeste Asiático, não imaginávamos que passaríamos tanto tempo na Malásia ou que gostaríamos tanto deste país. Outra coisa que não passava pela nossa mente era o quanto Kuala Lumpur conquistaria os nossos corações (e o nosso estômago também). 😛

Nós passamos pela cidade três vezes por motivos diferentes, e em todas elas, tivemos experiências que marcaram de alguma forma. Portanto, se está vindo para o Sudeste Asiático ou viajando à Malásia, inclua Kuala Lumpur no seu roteiro.

Uma das artes de rua na cidade de Kuala Lumpur. | Foto: Bruno/@naproadavida

Uma das artes de rua na cidade de Kuala Lumpur. | Foto: Bruno/@naproadavida

Não viaje para a Ásia sem seguro! Um dos principais gastos dessa nossa longa viagem pela Ásia é o seguro viagem, pois sabemos que prevenir é sempre importante, principalmente quando se trata do quesito saúde. Comprovamos isso quando o Bruno bateu a cabeça e precisou ser hospitalizado na Tailândia. Nós estávamos cobertos pela World Nomads e o suporte foi sensacional e em português.
Outro grande parceiro brasileiro é a Seguros Promo, que oferece 10% de desconto para os viajantes leitores do blog que usarem o código NAPROADAVIDA10.
Assista aos vídeos desta playlist para ajudar na hora de fechar o seguro e garantir o desconto.
Saúde durante a viagem não é brincadeira, não arrisque viajar sem seguro. 😉

Onde ficar em Kuala Lumpur

A cidade é recheada de boas opções de hospedagem e muitas até ficam perto de grande parte das atrações, como as Petronas Twin Towers (maiores torres gêmeas do mundo), Bukit Bintang, Batu Caves e mais. Nós normalmente usamos o booking.com e o agoda.com para reservar hospedagem em nossa viagem pela Ásia, e sempre conseguimos preços bons e hotéis que gostamos e além disso, agradam ao nosso bolso. ?
Abaixo você confere as melhores opções divididas por bairros e hotéis de valores variados:

Veja o mapa geral de Kuala Lumpur com valores e localizações dos hotéis nas datas da sua viagem:



Booking.com

Chinatown

Vamos começar por Chinatown pois essa é a nossa queridinha quando o assunto é onde ficar em Kuala Lumpur, não só pelos melhores preços em hotéis, mas pela facilidade em encontrar tudo o que precisamos. O bairro fica em uma área bem central, muito perto da estação Pasar Seni do metrô, onde você pode também pegar o maravilhoso GoKL, que é GRATUITO.

Dezenas de placas de Chinatown - onde ficar em Kuala Lumpur

Dezenas de placas de Chinatown. | Foto: Bruno/@naproadavida

A região também é ótima quando o assunto é comida, pois dispõe de comida chinesa (óbvio), mas também de outras especialidades como comida indiana, malaia e árabe. Ah, e tem também algumas redes de fast-food para quem não curtir a comida local (algo que eu acho difícil). Os preços de hotel por lá são sempre os mais atrativos e as sugestões são:

Não deixe de visitar a Petaling Street, que é uma das atrações mais visitadas da cidade, e também um dos pontos mais agitados de Kuala Lumpur.

Estes hotéis ficam bem perto da Petaling Street e aqui você encontra outras opções.

Onde ficar em Kuala Lumpur:

Bukit Bintang

Essa é uma das áreas mais badaladas da cidade. Muito conhecida pelos grandes shoppings que agradam a todos os bolsos, também conta com bares, restaurantes e baladas que fazem de Bukit Bintang um dos melhores bairros para curtir a noite de Kuala Lumpur. As opções de comida por ali também são muito boas, porém com um preço levemente mais alto que Chinatown.

Ruas de Bukit Bintang - onde ficar em Kuala Lumpur

Ruas de Bukit Bintang, Kuala Lumpur |

Se você está procurando um lugar bem localizado, com bons restaurantes, lugares para compras (as lojas de grife também estão por lá) e vida noturna, Bukit Bintang não vai decepcionar. Os hotéis recomendados por lá são:

Veja mais opções de hotéis na região de Bukit Bintang.

Onde ficar em Kuala Lumpur:

KLCC (Região das Petronas Twin Towers)

Aqui o orçamento precisa ser um pouco mais alto, afinal, acordar com vista para as Petronas Twin Towers tem o seu preço. KLCC siginifica Kuala Lumpur City Centre, ou seja, você estará hospedado no que é hoje a nova zona central da cidade e o centro comercial também. É uma região boa para quem deseja ter mais opções de entretenimento, arte, cultura e, claro, compras.

Vista para as Petronas, desde o Traders Hotel - onde ficar em Kuala Lumpur

Vista para as Petronas, desde o Traders Hotel | Foto: divulgação.

A principal atração ali são as maiores torres gêmeas do mundo: as Petronas Towers, que são lindas vistas de qualquer lugar, mas vê-las do SkyBar é diferente. Aos pés das torres gêmeas está o Suria KLCC, um complexo gigante com um parque onde acontece o show de águas e luzes todos os dias. Nós fizemos um vídeo desse show e você pode assisti-lo:

Os hotéis recomendados por ali são:

Quer ficar perto de KLCC? Veja outras opções de acomodações por lá.

Onde ficar em Kuala Lumpur:

Little India (Brickfields)

Não conseguimos esconder o nosso amor pelas Little Indias mundo afora, (foi assim em Singapura também). Eles tem uma coisa que realmente faz a diferença em relação a outros bairros. Se você gosta de estar com outras culturas, provavelmente vai gostar de ficar em Brickfields, e por isso não podíamos deixar de fora quando o assunto é onde ficar em Kuala Lumpur.

Rua principal de Brickfields, Little India - onde ficar em Kuala Lumpur

Rua principal de Brickfields, Little India. |

Lá você encontra muitos dos deliciosos pratos da culinária indiana, roupas e souvenirs com a cara da Índia, curry dos bons e claro, muita música de Bollywood. Nós adoramos Little India e, se está pensando em se hospedar por lá, recomendamos:

Quer ver mais opções de hotel na região? Dá uma olhada aqui.

Onde ficar em Kuala Lumpur:

KL Sentral

Essa região é conhecida como o antigo centro de Kuala Lumpur e aglomera um bom número de grandes redes de hotéis, bem como restaurantes renomados que servem comida local e internacional.

Entre os diversos monumentos e templos de Kuala Lumpur. |

Entre os diversos monumentos e templos de Kuala Lumpur. |

Não muito longe do novo centro e pertinho de Little India, o acesso a essa região é fácil com as linhas de LRT, KTM e Monorail que passam ali perto. Os hotéis por ali são:

Se quiser outras alternativas perto de KL Sentral, aqui estão mais algumas.

Onde ficar em Kuala Lumpur:

Batu Caves

Embora a maioria dos bons hotéis, hostels e outros tipos de hospedagem estejam na zona central de Kuala Lumpur, é possível encontrar boas opções também na região de Batu Caves.

Lord Murugan em Batu Caves - onde ficar em Kuala Lumpur

Lord Murugan em Batu Caves. |

Esta pode ser uma vantagem para quem não tem muito tempo na cidade, mas ainda assim quer ver as cavernas ou simplesmente quem deseja evitar a locomoção até lá. As melhores opções são:

E ainda assim existem outras boas opções, que você pode conferir aqui.

Onde ficar em Kuala Lumpur

Outras regiões

Kuala Lumpur possui centenas de acomodações que agradam a todos os gostos e bolsos, e cada região tem algo específico que com certeza nos faria voltar lá. Espero que estas dicas de hotéis sejam úteis e que a sua visita a cidade seja tão boa quanto foi a nossa primeira, que nos fez querer voltar mais vezes como fizemos.

Se tiver alguma dúvida ou sugestão sobre onde ficar em Kuala Lumpur, deixe aqui nos comentários e, para ver mais fotos ou vídeos sobre Malásia e outros países da Ásia, siga as nossas redes sociais: Instagram, Facebook, Pinterest e YouTube

Achou este post interessante? Salve para ler depois!

Onde ficar em Kuala Lumpur: hospedagem na capital da Malásia

Veja também:

Que tal compartilhar?


Indo para a Tailândia?
Conheça os melhores passeios para a sua viagem. Guias, fotógrafos e atendimento em português.

Somos Bruno & Vic, dois viajantes que se conheceram e se apaixonaram trabalhando a bordo de um navio de cruzeiros. Em 2016, saímos em uma viagem ao mundo e, desde então, levamos a nossa vida na estrada. Entre caronas, voluntariados e trabalhos online compartilhamos nossas inúmeras experiências e pouco dessa vida nômade aqui no Blog Na Proa da Vida, veja mais

Planeje sua viagem

seguro viagem

hotéis

chip de internet

trabalho voluntário

passeios & ingressos

transporte pela ásia

Veja mais sobre o mesmo assunto:

Nota: este post pode conter links de parceiros do blog Na Proa da Vida. Isso significa que ao comprar um de seus produtos você estará ajudando na manutenção do nosso blog e do conteúdo de qualidade produzido para você. Não se preocupe, você não paga nadica de nada a mais por isso e ainda nos motiva a conseguir descontos exclusivos, em diversos serviços, para os leitores do Na Proa da Vida. Saiba mais.

<a href="https://www.naproadavida.com/" target="_blank">Bruno</a>
Bruno
Já morei numa casa de lata flutuante onde o maior prazer era descobrir os sete mares. Trabalhei nos maiores eventos esportivos do mundo e vi o Bolt voando para mais um ouro no Rio de Janeiro. Hoje viajo o mundo sem data de volta para casa, na verdade, tenho chamado o mundo de minha casa. Não conto quantos países conheci pelo número de carimbos no passaporte, pois às vezes conheço dez países dentro de um só. Mergulhador e amante do oceano, amo aprender novos idiomas e coisas novas e escrevo sobre algumas das minhas aventuras no Na Proa da Vida.

Pode ser interessante para a sua viagem

E aí, que tal deixar um comentário? ?

7 Comentários

  1. Dhebora

    Bom, eu certamente escolheria Chinatown! Adoro ficar bem localizada, perto de tudo e por um precinho camarada! Haha… mas adorei o seu post! Super didático e deu pra entender bem cada região.

    Responder
  2. Aline Aguiar

    Quando visitei o Sudeste Asiático tive que tirar a Malásia do roteiro por falta de tempo. Agora estou louca para fazer Malásia, Filipinas e Indonesia! Obrigada pelas dicas!!!!

    Responder
    • Victória Farina

      Olha, a Malásia é um país totalmente diferente dos outros no Sudeste Asiático. Ela tem suas peculiaridades mas é o menos exótico de todos eles. Nós amamos KL, Penang e, principalmente, Borneo (L) Vale uma visita 🙂 Boa viagem!

      Responder

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *