Castelo de Trakai: um lugar maravilhoso na Lituânia

Home » Lituânia » Castelo de Trakai: um lugar maravilhoso na Lituânia

Atualizado em Feb 9, 2021

Por: Victória

Atualizado em Feb 9, 2021

Por: Victória

Depois de passar quase dois anos viajando pelo Sudeste Asiático iniciamos nossa passagem pela Europa. Começamos pela Rússia e depois visitamos os países Bálticos. A Lituânia foi um dos países que mais nos impressionou nesta região. Passei o dia do meu aniversário no município de Trakai e me apaixonei por este lugar. Estávamos super felizes comemorando e visitando os arredores de um castelo medieval super fotogênico e, de quebra, o dia estava maravilhoso.

É por isto que estou escrevendo este guia com o que fazer em Trakai, a antiga capital do país, para mostrar o quão fácil é visitar esse “arquipélago” maravilhoso bem pertinho de Vilnius, a atual capital da Lituânia.

Paisagem de cima do castelo de Trakai na Lituânia

Trakai vista de cima

Castelo de Trakai, na Lituânia

Como chegar

Saindo do centro de Vilnius vá para a Rodoviária Principal (Vilnius Bus Station) e pegue um ônibus para Trakai (€2 euros por pessoa). Os ônibus saem a cada hora praticamente e basta chegar na estação e comprar na bilheteria para a próxima saída. O trajeto dura entre 30 e 40 minutos sem trânsito (a volta demorou um pouco mais). O ônibus da ida tinha internet e tomada para carregar o celular mas o da volta era BEM simples e não tinha nada disto.

Dica: Se for visitar Trakai em um dia quente de verão, veja a posição do sol e fique sentado do lado contrário do ônibus. Vimos pessoas sofrendo demais com o calor já que o ar condicionado não é tão forte quanto necessário, principalmente no trajeto de volta.

Outra maneira de chegar em Trakai é de trem (de € 1 a € 3 e demora cerca de 40 minutos). Decidimos não ir de trem já que a estação em Trakai é mais afastada e, assim, teríamos que andar mais ainda para chegar no castelo. Você também pode alugar um carro e dirigir até o município já que são apenas 30km.

Transporte na Lituânia

Painel com os horários do ônibus bem facinho de entender

O que fazer em Trakai, na Lituânia

A atração mais famosa de Trakai com certeza é o Castelo da Ilha que, além de ser maravilhoso, ainda tem muito valor para o povo da Lituânia em razão de seu passado. Mas, além do castelo, há muito mais que visitar e se apaixonar por este vilarejo.

Para nós, o que mais nos chamou atenção e tomou nosso tempo foi o lago, que tem águas cristalinas e maravilhosas e compõe a paisagem da melhor maneira possível.

Para facilitar, vamos fazer um mini roteiro do que visitar em Trakai com o que fizemos em nosso dia ensolarado e apaixonante:

Rodoviária

A rodoviária é super simples, mas super organizada. Lá você pode alugar bicicletas (€ 3,50 por hora) e comprar um cafezinho. O balcão de informações não possui mapa de Trakai mas, bem na saída, há um painel com um mapa imenso e vários pontos turísticos de Trakai.

Com o nosso guia de Trakai, você não vai precisar dele :p Esse é o nosso trajeto sugerido:

Dica: se você, como nós, não tem internet no celular, baixe o aplicativo que se chama Maps.me e, em casa, já coloque os pins nos lugares a serem visitados (os nomes das atrações são exatamente como você encontra no Maps.me). Vamos fazer um post em breve com as dicas de como utilizar este aplicativo incrivel da melhor forma.

Atenção: antes de sair da rodoviária verifique os horários para o ônibus da volta. Fizemos isso e os horários de ônibus de Trakai para Vilnius em agosto de 2018 eram:

08:00 ; 08:50 ; 10:05 ; 10:30 ; 11:10 ; 11:40 ; 13:40 ; 14:30 ; 15:15 ; 15:45 ; 16:40 ; 17:15 ; 18:20 ; 19:00 ; 20:00 e 21:35.
Fique atento se tiver compromissos e também para não perder o último ônibus voltando para Vilnius.

Hotel Sveciu Namai “Ant ezero kranto”

Saindo da estação você já se depara, a sua esquerda, com a maravilhosa paisagem de um dos lagos que compõe o “arquipélago” de Trakai. Para já começar a aproveitar os lagos desde o começo, faça uma paradinha no hotel, passe pela entrada e vá direto para o mini píer que tem lá. Nós passamos alguns minutos só ouvindo o silêncio e descansando, foi incrível.

Deque do hotel que "invadimos" para curtir um pouco da paisagem

Deque do hotel que “invadimos” para curtir um pouco da paisagem

  • Veja nossos stories sobre esse dia maravilhoso em nosso Instagram!

Balcão de informações turísticas

Se você, como eu, gosta de um mapa na mão mesmo seguindo tudo pelo celular, passe no balcão de informações e pegue o seu. Aém de útil ainda serve como souvenier no final da viagem.

Traku Svc. Dievo Motinos Gimimo Cerkve

Dê uma paradinha para observar dentro e fora desta igreja super bonitinha.

St. Marry Church

Outra igreja para observar. Essa aqui estava cheia de pessoas dentro, participando de uma missa, e assim, visitamos bem brevemente para não atrapalhar.

Além das paisagens maravilhosas Trakai possui igrejas bem bonitas

Além das paisagens maravilhosas Trakai possui igrejas bem bonitas

Lago

Depois da igreja vire a direita e você vai cair num parque que, obviamente, tem um lago lindo e maravilhoso ao seu final. Nós sentamos na plataforma de madeira e ficamos só observando.

Quatro meninos e uma menina pulavam da plataforma para o lago e super se divertiam, várias famílias andando de pedalinho pelo lago e outras caminhando pelo parque. Além de, é claro, a paisagem ser absurdamente maravilhosa e você conseguir ver metros de profundidade do lago.

Passar meu aniversário no castelo de Trakai foi demais

Curtindo a paisagem absolutamente maravilhosa de Trakai

Depois disso, simplesmente esquecemos dos pontos turísticos da cidade e simplesmente fomos andando beirando o lago e parando onde queríamos. Os pontos importantes para não deixar passar são:

Trakai Península Castle

Além do lindo Castelo da Ilha há também um outro que fica na península. Andamos em volta das ruínas do castelo da Península e nos apaixonamos com tanto verde e paisagens lindíssimas do lago.

Você também encontrará a Sacrifice Hill (uma escada bastante fotogênica) e o Trakai Mound (portão que delimita o castelo. Você pode subir nele e ver o lago de outra perspectiva. Nós voamos o drone nesta parte e amamos).

Bruno subindo a Sacrifice Hill em Trakai

Bruno subindo a Sacrifice Hill em Trakai

Caminhando mais a frente você já vai ver que o local fica mais agitado. Mais lojinhas de souvenir, restaurantes e muito mais pessoas. Isso significa que está chegando no destino principal do vilarejo: a ilha do Castelo de Trakai.

Ilha do Castelo de Trakai

Atravesse uma ponte e chegue no castelo. Caminhe em seus arredores, observe a arquitetura bastante simples e, se quiser entrar no museu, vá até a bilheteria e pague € 8 por pessoa. Nós achamos um pouco demais e, já ali na bilheteria, conseguimos ver bastante de dentro do castelo e ficamos satisfeitos. Preferimos gastar mais tempo no lago do que dentro do castelo.

O castelo servia de proteção para Vilnius e tinha muitos tesouros guardados em seu interior. Infelizmente, por razões históricas, o castelo ficou abandonado por muito tempo mas teve um trabalho incrível de renovação que foi concluído em 1992 quando virou um museu, que funciona até hoje.

Trakai Castle Panorama

Depois de visitar os arredores do castelo, atravesse a ponte novamente, ande cerca de 200m até chegar numa plataforma de madeira do lado oposto ao castelo. Lá você pode tirar fotos incríveis com o castelo em plano de fundo.

Quiosque Dione (Dione Ice cream)

Quiosque que vende, além de sorvete, a comida típica da região, que se chama kibinai. Tem opção de kibinai de porco, de frango ou vegetariano. Nós pegamos um de cada e o Bruno curtiu mais o de frango e eu curti mais o de porco (achei super bem temperado e gostoso, mesmo geralmente não curtindo muito a carne de porco).

Cada unidade de kibinai custa de € 1,50 a € 1,80 nas barraquinhas de rua em volta do lago e, nos restaurantes, os valores são um pouquinho mais altos (cerca de € 4,20 a € 6,70). Ah, não esqueça de comer essa comida típica tomando um delicioso Kvaz artesanal.

O Kvaz é uma bebida super tradicional dos países que fizeram parte da União Soviética. A maioria dos locais fala que o kvaz é a Coca-Cola da Rússia, então não deixe de provar. Um copo pequeno (300ml), que foi suficiente para nós dois, custa € 1 na mesma barraquinha.

  • Veja nossos stories sobre esse dia maravilhoso em nosso Instagram!

Vimos que já havíamos aproveitado bastante do lago e que não tínhamos conhecido os pontos turísticos dentro da cidade. Por isso, na volta do castelo para a rodoviária de Trakai, ao invés de caminhar novamente pelo lago (que era super a nossa vontade), andamos pela cidade e vimos a Praça principal, as casas tradicionais de madeira e o “former Russian Empire Post Office” que é o antigo correio de Trakai.

Não deixe de visitar a rua Karaimų gatvė e ver as casas típicas da população caraíta. Corremos um pouquinho para chegar a tempo do próximo ônibus e deixamos Trakai aproximadamente às 17.15.

Praça principal de Trakai, na Lituânia

Praça principal de Trakai, na Lituânia

Outras atividades disponíveis:

Se tiver interesse você pode explorar mais ainda deste lago maravilhoso fazendo pedalinho, SUP e até um passeio de barco. Os valores variam de acordo com a empresa de aluguel mas são em torno de € 5 para meia hora de cada uma dessas atividades.

Atenção: Para visitar os arredores do castelo a entrada é gratuita. Se quiser entrar no castelo você paga € 8. Se for estudante leve o comprovante que você poderá pagar meia entrada. Nós não entramos primeiro pelo valor do ingresso e segundo porque os arredores do castelo com a natureza pareciam MUITO mais interessantes do que ver o castelo por dentro.

Como se locomover:

Nós andamos. Para chegar no castelo da ilha você anda cerca de 2,6 km mas tem tanta atração e paisagem bonita no caminho que você nem vai perceber que andou tanto.

Se não quiser andar tudo isso pode também pegar um ônibus local na estação (pergunte no balcão de informações sobre a melhor opção) ou você também pode pegar um mini-trenzinho que te deixa bem na frente do castelo. O trenzinho sai frequentemente de dentro da rodoviária e custa €2 por pessoa.

Quanto tempo passar em Trakai

Nós chegamos por volta das 13h e ficamos até às 17:15 (horário de volta do ônibus). Se tiver tempo, super recomendamos passar uma noite no pequeno município e aproveitar a calmaria e paisagem maravilhosa de Trakai. Se não tiver tempo, planeje ficar ao menos 4 horas mais 2 horas de deslocamento para conhecer bem a região, descansar e curtir o que o lugar tem de melhor, sem pressa.

Atenção: se puder, escolha o dia certo para visitar Trakai. Se quer sossego, principalmente no verão, não vá no fim de semana já que fica bem cheio de turistas locais (o que pode ser super interessante para algumas pessoas). Durante a semana o castelo fica bem mais tranquilo e, assim, você consegue aproveitar melhor, sem muita gente em volta ou lutando pelo mesmo espaço. Nós fomos num dia de semana e adoramos a tranquilidade.

Onde ficar em Trakai

Se resolver se hospedar em Trakai (nos arrependemos de não ter feito isto), procure ficar perto do castelo (Trakai Island Castle). Os hotéis mais recomendados são:

Outra região boa para se hospedar é perto da rodoviária, onde vimos diversos hotéis e guesthouses mais simples como: Guest House TrakutisEzerkiemisArgo Trakai.

O que levar na mochila para Trakai:

Não leve MUITA coisa para não ter que carregar e poder aproveitar ao máximo. Nossa listinha para te ajudar a decidir o que levar em seu passeio por Trakai é:

  • Protetor solar e boné se for um dia de muito calor
  • Roupa de banho se você tiver vontade de entrar no lago
  • Roupas de esporte se planejar alugar uma bike
  • Água mineral
  • Um lanchinho
  • Uma canga para estender em diferentes lugares
  • Dinheiro em espécie
  • Câmera fotográfica e/ou celular
Trakai

Eu apaixonada por Trakai a cada ponte que cruzávamos

Gastos da nossa day-trip em Trakai

  • Hospedagem (Utilizando Couchsurfing): €  0
  • Ônibus de ida (de Vilnius para Trakai): € 2 por pessoa
  • 2 sorvetes no mercado IKI: € 1,58
  • Quisque Dione (1 kibinai de frango, 1 de porco e 1 copo de 300ml de Kvaz): € 4,30
  • Ônibus de volta (de Trakai para Vilnius): € 1,80 por pessoa
  • Gastos extras que você pode ter: € 8 de entrada no castelo e € 5 de passeio de barco ou pedalinho pelo lago
  • Valor total: € 13,48 (cerca de R$ 60,00)

Vale a pena “perder” um dia na cidade de Vilnius para conhecer o Castelo de Trakai?

Com certeza SIM! Vilnius é uma cidade bonita mas seu centro histórico não é tão atraente quanto os de Tallin ou Riga, por exemplo. Super recomendamos que veja as belezas naturais da Lituânia e se apaixone por elas tanto quanto nós.

Eai, gostou das dicas? E como foi a sua experiência visitando Trakai? Conta pra gente aqui nos comentários! Se quiser ver mais fotos ou vídeos sobre a Europa e Ásia, siga as nossas redes sociais: Instagram, Facebook, Pinterest e YouTube.

Achou este post interessante e quer salvá-lo para ler depois? Clique na imagem para salvar no Pinterest 😛

Castelo de Trakai: um lugar maravilhoso na Lituânia

Que tal compartilhar?

Indo para a Tailândia?

Conheça os melhores passeios para a sua viagem. Guias, fotógrafos e atendimento em português.

Somos Bruno & Vic, dois viajantes que se conheceram e se apaixonaram trabalhando a bordo de um navio de cruzeiros. Em 2016, saímos em uma viagem ao mundo e, desde então, levamos a nossa vida na estrada. Entre caronas, voluntariados e trabalhos online compartilhamos nossas inúmeras experiências e pouco dessa vida nômade aqui no Blog Na Proa da Vida, veja mais

Planeje sua viagem

seguro viagem

hotéis

chip de internet

trabalho voluntário

passeios & ingressos

transporte pela ásia

Veja mais sobre o mesmo assunto:

Nota: este post pode conter links de parceiros do blog Na Proa da Vida. Isso significa que ao comprar um de seus produtos você estará ajudando na manutenção do nosso blog e do conteúdo de qualidade produzido para você. Não se preocupe, você não paga nadica de nada a mais por isso e ainda nos motiva a conseguir descontos exclusivos, em diversos serviços, para os leitores do Na Proa da Vida. Saiba mais.

Publicado em: Atualizado em Feb 9, 2021
i
Categorias: Destinos | Europa | Lituânia
<a href="https://www.naproadavida.com/" target="_blank">Victória</a>
Victória
Nascida em São Paulo, estudou Lazer e Turismo (USP) e tem no DNA a palavra viagem. Ama dar dicas de viagens e contar as experiências que já viveu. Já visitou mais de 45 países e não pretende parar tão cedo.

Pode ser interessante para a sua viagem

E aí, que tal deixar um comentário? ?

2 Comentários

  1. Debora

    Super interessante este post. Deve ser um lugar bem bucólico e delicioso para passear e ter tranquilidade e paz. Amei a Ponte do Lago. Vou incluí-la nos meus sonhos.

    Responder
    • Victória Farina

      Debora, obrigada pelo comentário! Inclua nos seus sonhos e também nos seus planos de viagem 🙂

      Responder

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *