Viajar sem falar inglês: relato de uma viajante

Home » Relatos de viagem » Viajar sem falar inglês: relato de uma viajante
Atualizado em 29/06/2021
Por: Victória

Atualizado em 29/06/2021
Por: Victória

Convidamos nossa querida cliente dos passeios em Phi Phi, Mariana Colletti (@marianacollettiof), para contar como foi viajar sem falar inglês pela Ásia. Ela não fala nada, nadica de nada de inglês e teve aventuras incríveis que espero que te inspire a se jogar no mundo e fazer o mesmo, sem se importar com suas limitações. Prepare-se para gargalhar com as experiências super marcantes que ela teve na viagem e já comece a planejar a sua. 🙂 Passo a palavra para a Mariana:

Mariana na China - prova que dá para viajar sem falar inglês

Mariana na China , prova que dá para viajar sem falar inglês.

Veja todos os nossos posts sobre a Tailândia aqui! ??

Dicas para curtir Bangkok ???
Relaxar com a vibe cultural de Chiang Mai ??⛰
Curtir o paraíso que é Koh Phi Phi ?⛵️
Mergulhar na nossa amada Koh Tao
E se maravilhar com as melhores praias nas Ilhas da Tailândia ?
Ou ver mais sobre o Sudeste Asiático ?

Como criar histórias? Viaje sem falar inglês! Sério, a minha apreensão maior era de como eu ia me virar viajando sem falar uma palavra de inglês. Expectativa em ambos lados: positiva e negativa! Confesso que sou meio jacu (tímida), porém ou desistia de tudo ou ia com jacu mesmo hahaha! E foi assim que começou a história…

Acreditem: sai do Brasil, parei em Madri, passei 16 horas na China e, enfim, cheguei na Tailândia! Passei cerca de 20 dias viajando por esse país incrível e pagando altos micos e experiências engraçadas e vou contar algumas para vocês. Na volta, tive mais 16 horas na Alemanha, uma pequena pausa em Madri e enfim voltei ao Brasil!

Depois de toda essa viagem conclui que todo mundo sempre vai se entender seja por gestos ou porque você acha que falou algo e eles acham que entenderam algo e, por isso respondem algo que você acha que entendeu! Ficou confuso, né?! Mas no final dá tudo certo e damos várias risadas. Vou contar agora alguns relatos de situações que passei na minha viagem sem falar inglês:

Mariana na China, prova que dá para viajar sem falar inglês.

Mariana na China, prova que dá para viajar sem falar inglês.

Não viaje para a Ásia sem seguro!
Nós usamos a World Nomads e o suporte é sempre sensacional e em português.
Eles oferecem 5% de desconto com o código: PROADAVIDA.
Outro grande parceiro brasileiro é a Seguros Promo, que oferece 5% de desconto para os viajantes leitores do blog que usarem o código NAPROADAVIDA5.

Assista aos vídeos desta playlist para ajudar na hora de fechar o seguro e garantir o desconto.
Saúde durante a viagem não é brincadeira, não arrisque viajar sem seguro. 😉

Como viajar sem falar inglês?

Um relato engraçado de uma viagem incrível: inglês no aeroporto

No aeroporto da China não encontrávamos o banheiro de jeito nenhum (aquele negócio parecia estar escondido!). Estava desesperada até que parei uma moça que estava de uniforme e falei: “Hiiii… I Basthron xixiiiiiiiii”. Me lembrava de ter lido essa palavra em algum lugar um dia mas, saber como pronuncia já é outra história. Alguém aí se habilita? hahahaha.

Não deu muito certo porque ela falou algumas coisas lá muuuuito rápido (não que faria diferença ela falar em chinês devagar, né!). Não entendi nada mas não desisti já que estava com MUITA vontade de ir ao banheiro e continuei: “I WC” (pronunciando “ai dabiu ci”). Se está certo, não sei, mas ela ainda não entendeu! Comecei a rir e cruzar as pernas (segurando a vontade) e ela olhou, deu risada e finalmente entendeu e apontou para onde era o banheiro. Agora sei que era só eu ter falado “help me” e cruzado as perninhas que seria mais rápido mas, até descobrir isso, foram muitas outras experiências engraçadas.

Quer mais? Tem muuuuito mais! Passar vergonha e perrengues no Brasil é comigo mesmo, imagina viajando para um país que não falo o idioma!

Mariana na Tailândia, prova que dá para viajar sem falar inglês.

Mariana em Ayutthaya na Tailândia.

Que tal garantir o seu chip com internet antes de sair do Brasil?

A EasySim4U oferece diversos pacotes com internet ilimitada, além de pacotes de voz que você pode usar em mais de 190 países e o melhor, atendimento em português e entrega em todo o Brasil.
Confira o melhor pacote para você.
Use o cupom NAPROADAVIDA10 e receba 10% de desconto na compra do chip.

Como viajar falar inglês? Histórias (e perrengues) de viagem

Caso 2: Tailândia, fechei um passeio para Ayutthaya, uma cidade próxima a Bangkok. Sete da matina a van passaria para me buscar no hotel (Fiquei hospedada no Dang Derm Khao San). Interfone toca no quarto. Já me deu uma crise de riso porque já atendi sabendo que não ia entender uma palavra do que queriam me falar hahaha.

Atendi: “Hiii”. A mulher disparou a falar taaaaanta coisa, mais tanta coisa que eu já estava ficando até preocupada em saber qual era a informação tãaaao longa que ela queria me passar. Como aprendi, esperei a mulher falar tuuudo primeiro aí contei para ela que não sei falar inglês (Mas claaaaaaaaro que essa frase eu decorei e usava o tempo todo! É muito útil, aprenda também).

Mas os tailandeses do hotel devem ter muita convivência com brasileiros porque eles não desistem nunca, como nós! ELA CONTINUOU FALANDO hahahahaha… aí eu respondia ‘sorry” e que eu não falava inglês. Depois de muito insistir eu falei “ok ok ok I down” já que imaginei que era algo sobre a excursão.

GENTEEEE quando eu passei pela recepção e fui de encontro com o motorista da van quase fingi falar árabe e sair andando pro outro lado. O motorista gritava taaaaaaaanto, mais taaaaanto (em tailandês) que eu só entendia que ele estava bravo mas a vergonha e vontade de rir se misturaram, foi um momento marcante da minha viagem.

Percebi que estava atrasada e todos estavam me esperando e eu comecei a ficar com mais vergonha ainda, mais eu pensei “se o motorista estiver me xingando eu não estou entendendo nada mesmo e eu estou viajando na Tailândia, aqui ninguém me conhece, bora pro passeio!”.

Dentro da van 70% eram brasileiros. Aqueles que eu entendia estavam reclamando que eu estava atrasada e eu não conseguia parar de rir. Eu ria TANTO que ninguém entendeu, expliquei o caso e virei amiga de todos após alguns minutos!

  • Sabe que você pode estudar inglês online e evitar todos esses perrengues, ne? A Aline do blog Vem que te conto explicou tudo, tin tin por tin tin com várias dicas! Dá uma olhada no post.
Mariana na Tailândia, prova que dá para viajar sem falar inglês.

Mariana em sessão de fotos com fotógrafo brasileiro em Phi Phi, na Tailândia. Foto: Bruno do @PasseiosEmPhiPhi

Planeje bem o transporte da sua viagem pela Ásia!✈️??
O continente é formado por muitas ilhas, regiões montanhosas e distâncias longas e isso exige algumas horas de locomoção de um lugar para outro. A nossa dica é usar o 12Go Asia para pesquisar e reservar os principais transportes e evitar perrengues durante a viagem.

Agora o mais épico de todos foi o meu furto involuntário, séééérioo!!!!

Estava em Koh Phi Phi e parei numa lojinha pra comprar sapatinho de borracha para mergulho. Achei um na minha numeração e coloquei debaixo do braço (da mesma forma que, na viagem toda, eu segurava a minha carteira com o passaporte).

Como estava de férias super desligada, mesmo tendo achado o sapato certo e “separado” embaixo do braço procurei outro e não gostei de nenhum. Resolvi sair da loja, agradeci ‘konp kun káaaaaa (isso é obrigado em tailandês e é uma palavra que você aprende de tanto ouvir). Enfim, falei byebye e sai andando.

Alguém percebeu???

Sim!! Eu não devolvi o sapatinho que estava debaixo do meu braço. E demorou para eu perceber, tá?! Quando fui pagar algo em outra loja fui pegar a “carteira” e percebi que era o sapato de borracha da senhora tailandesa. Eu ria e chorava ao mesmo tempo!

Fiquei com medo de sair pra fora daquela loja e ter uma máfia ou gangue tailandesa me esperando pra pagar o sapato, juro! Só pensava “não sou ladra no Brasil daí venho pra Tailândia furtar!” Continuava a chorar e rir junto hahaha. Precisava devolver aquilo gente, sério!

Viajar sem falar inglês: relato de uma viajante

Mariana em sessão de fotos com fotógrafo brasileiro em Phi Phi, na Tailândia. Foto: Bruno do @PasseiosEmPhiPhi

Saiba tudo sobre passeio de barco em Koh Phi Phi e como ter um
fotógrafo brasileiro tirando fotos suas nesse paraíso, que nem a Mariana.

Lá fui eu voltar na loja da senhora com uma cara de pau que eu não tenho! Cheguei lá pra explicar e, em gestos mostrei: coloquei em baixo do braço, procurei outro, não achei, sai andando, não paguei, tô de volta. E moça da loja dava risada e dizia “no thanks” e eu fazia tudo de novo.

Ela só dava risada e recusava, até que ela chamou a moça da loja do lado para ajudar. Até hoje me pergunto se ela me entendeu ou só pensou “se ela quer devolver o que comprou deixa ela ué” porque ela ria junto com a amiga, eu ria também e me senti na obrigação (que eu não tinha) de comprar na loja da amiga também!

Por que viajar sem falar inglês? Eis a resposta!

Para pessoas que, como eu, não falam inglês, tailandês ou algum outro idioma por aí e querem viajar mas tem medo, acredite: vá com medo mesmo que será a MELHOR experiência da sua vida! Na Tailândia eu descobri que os seres humanos de coração puro e lindo existem! T

odo lugar do mundo terão os espertinhos, mas eu decidi me lembrar somente das pessoas maravilhosas que conheci nessa viagem e, acredite, foi a maioria, sério! Depois dessa viagem eu fiquei apaixonada pela Tailândia e energia surreal que tem aquele país. Eaí, te ajudei a tomar coragem e sair viajando pelo mundo sem falar inglês? ESPERO QUE SIM!

  • Recomendação do casal @naproadavida: não saber falar inglês NÃO PODE ser um impedimento para a sua viagem mas, que tal tentar alguns dias antes de sair do Brasil dar uma estudada nas palavras básicas como SORRY, HELLO, THANK YOU, WHERE IS THE TOILET e outras? Vale a pena para não passar perrengue.
  • Outra sugestão nossa é sempre ter internet no celular para usar e abusar do Google Tradutor que facilita DEMAIS a comunicação.
  • Outra dica super importante é você tentar pesquisar bastante e planejar com antecedência a sua viagem para evitar problemas. É por isso que recomendamos que você leia o post super completo da Polliana, do blog Across the Universe, com 12 dicas para organizar a sua viagem internacional.
  • Leia também: Frases de viagem inspiradoras, do blog “Vamos viajar para onde agora?”

E aí, gostou do relato da Mariana? E como foi a sua experiência de viajar sem falar inglês? Conta pra gente aqui nos comentários! Se quiser ver mais fotos ou vídeos sobre a Tailândia e outros países do Sudeste Asiático, siga as nossas redes sociais: Instagram, Facebook, Pinterest e YouTube.

Que tal compartilhar?


Indo para a Tailândia?
Conheça os melhores passeios para a sua viagem. Guias, fotógrafos e atendimento em português.

Somos Bruno & Vic, dois viajantes que se conheceram e se apaixonaram trabalhando a bordo de um navio de cruzeiros. Em 2016, saímos em uma viagem ao mundo e, desde então, levamos a nossa vida na estrada. Entre caronas, voluntariados e trabalhos online compartilhamos nossas inúmeras experiências e pouco dessa vida nômade aqui no Blog Na Proa da Vida, veja mais

Planeje sua viagem

seguro viagem

hotéis

chip de internet

trabalho voluntário

passeios & ingressos

transporte pela ásia

Veja mais sobre o mesmo assunto:

Nota: este post pode conter links de parceiros do blog Na Proa da Vida. Isso significa que ao comprar um de seus produtos você estará ajudando na manutenção do nosso blog e do conteúdo de qualidade produzido para você. Não se preocupe, você não paga nadica de nada a mais por isso e ainda nos motiva a conseguir descontos exclusivos, em diversos serviços, para os leitores do Na Proa da Vida. Saiba mais.

<a href="https://www.naproadavida.com/" target="_blank">Victória</a>
Victória
Nascida em São Paulo, estudou Lazer e Turismo (USP) e tem no DNA a palavra viagem. Ama dar dicas de viagens e contar as experiências que já viveu. Já visitou mais de 45 países e não pretende parar tão cedo.

Pode ser interessante para a sua viagem

E aí, que tal deixar um comentário? ?

2 Comentários

  1. Débora

    Realmente a garota é bem corajosa, deve ter passado altos perrengues. Quando fomos para a Tailândia fizemos conexão na Ethiopia, my god, que inglês difícil de entender, principalmente quando pouco se fala. Também tivemos momentos engraçados e também apavorantes. Hahahahah… Mas enfim foi simplesmente uma viagem maravilhosa

    Responder
    • Victória Farina

      Que bom que curtiu sua viagem mesmo sem falar bem inglês, Debora! Você e a Mariana são exemplo de mulheres viajantes 🙂

      Responder

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *