10 hostels para se hospedar de graça pelo mundo

Home » Planejamento » Hospedagem » 10 hostels para se hospedar de graça pelo mundo
Atualizado em Jan 17, 2021
Por: Bruno

Atualizado em Jan 17, 2021
Por: Bruno

Viajar têm se tornando uma tarefa cada vez mais acessível, chegando a se tornar um hobby para muitas pessoas. Agora é possível alimentar a paixão por viajar e ainda se hospedar gratuitamente em uma infinidade de cidades pelo globo à base de troca de serviços. Nestes hostels cadastrados, o viajante se oferece para cumprir determinadas tarefas por uma quantidade pré estabelecida de horas semanais.
As recompensas variam de lugar para lugar, mas a experiência e contato com pessoas de todas as partes do mundo são impagáveis. Conheça 10 opções de hostels que aderem à este serviço. Para mais opções, o portal Worldpackers trabalha como intermediário entre os viajantes e hosts.

Não viaje para a Europa sem seguro! Estamos viajando há mais de 3 anos pelo mundo e já tivemos diversos problemas na viagem que foram cobertos pelo nosso seguro viagem. Nós estávamos cobertos pela World Nomads e o suporte foi sempre sensacional e em português. Eles oferecem 5% de desconto com o código: PROADAVIDA.
Outro grande parceiro brasileiro é a Seguros Promo, que oferece 5% de desconto para os viajantes leitores do blog que usarem o código NAPROADAVIDA5.
Assista aos vídeos desta playlist para ajudar na hora de fechar o seguro e garantir o desconto.

Hostels para se ficar de graça pelo mundo

1. Auberge Bishop (Montreal – Canadá)

Hostels de graça na Europa

O hostel é situado no coração de Montreal e, em troca de estadia, café da manhã e uso gratuito da lavanderia, o hóspede deverá ajudar com tarefas como recepção, limpeza e serviços de camareiro. O trabalho é estipulado em média por 28 horas por semana, com direito a um dia de folga. A permanência mínima no hostel é de 2 semanas e é obrigatório ter ao menos o francês e inglês em níveis intermediários.

Veja Também:

E aí, gostou das dicas? E como foi a sua experiência se hospedando por hostels no mundo? Conta pra gente aqui nos comentários! Se quiser ver mais fotos ou vídeos sobre a Tailândia e outros países do Sudeste Asiático, siga as nossas redes sociais: Instagram, Facebook, Pinterest e YouTube.

Que tal compartilhar?

Indo para a Tailândia?

Conheça os melhores passeios para a sua viagem. Guias, fotógrafos e atendimento em português.

Somos Bruno & Vic, dois viajantes que se conheceram e se apaixonaram trabalhando a bordo de um navio de cruzeiros. Em 2016, saímos em uma viagem ao mundo e, desde então, levamos a nossa vida na estrada. Entre caronas, voluntariados e trabalhos online compartilhamos nossas inúmeras experiências e pouco dessa vida nômade aqui no Blog Na Proa da Vida, veja mais

Planeje sua viagem

seguro viagem

hotéis

chip de internet

trabalho voluntário

passeios & ingressos

transporte pela ásia

Veja mais sobre o mesmo assunto:

Nota: este post pode conter links de parceiros do blog Na Proa da Vida. Isso significa que ao comprar um de seus produtos você estará ajudando na manutenção do nosso blog e do conteúdo de qualidade produzido para você. Não se preocupe, você não paga nadica de nada a mais por isso e ainda nos motiva a conseguir descontos exclusivos, em diversos serviços, para os leitores do Na Proa da Vida. Saiba mais.

Publicado em: Atualizado em Jan 17, 2021
i
Categorias: Hospedagem
<a href="https://www.naproadavida.com/" target="_blank">Bruno</a>
Bruno
Já morei numa casa de lata flutuante onde o maior prazer era descobrir os sete mares. Trabalhei nos maiores eventos esportivos do mundo e vi o Bolt voando para mais um ouro no Rio de Janeiro. Hoje viajo o mundo sem data de volta para casa, na verdade, tenho chamado o mundo de minha casa. Não conto quantos países conheci pelo número de carimbos no passaporte, pois às vezes conheço dez países dentro de um só. Mergulhador e amante do oceano, amo aprender novos idiomas e coisas novas e escrevo sobre algumas das minhas aventuras no Na Proa da Vida.

Pode ser interessante para a sua viagem

E aí, que tal deixar um comentário? ?

0 Comments

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *