Viajando barato na Suíça: como economizar em sua viagem

Home » Suíça » Viajando barato na Suíça: como economizar em sua viagem

Atualizado em Feb 25, 2021

Por: Victória

Atualizado em Feb 25, 2021

Por: Victória

A Suíça, para nós, não passava de um sonho bem distante há alguns meses mas, com nosso mochilão se movendo do Sudeste Asiático para a Europa, a visita se tornou muito mais possível. Trabalhamos na Copa do Mundo da Rússia e, depois, planejamos passar alguns meses conhecendo os países do Leste Europeu e seguir para alguns dos países que não conhecíamos da Europa.

Como tenho família na Suíça e minha prima havia acabado de ter gêmeos lindos e fofos, a Suíça passou de um sonho distante para um destino obrigatório em nossa viagem de cinco meses na Europa. Vamos contar aqui nossas dicas de como economizar viajando barato na Suíça já que sabemos que não é todo mundo que tem a sorte que tivemos de ter família justo em um dos países mais caros do mundo:

Viajando barato na Suíça

Apaixonados no Lac Léman, na Suíça

Viajando barato na Suíça:

Como economizar em sua viagem

  • Na Europa em geral sempre procure as ofertas do dia expostas nos cartazes em frente aos restaurantes. Nestes avisos você consegue ter uma ideia dos valores do restaurante e, uma vantagem, é que geralmente os pratos são comidas rotineiras para os locais mas, para você, pode ser uma surpresa boa e um prato típico que nem imaginaria experimentar.
  • O supermercado foi a nossa maior salvação em toda a nossa viagem pela Europa. Sempre passávamos e comprávamos ingredientes para fazer sanduíche, bebidas e biscoitos para nos ajudar com as economias e matar nossa fome durante o dia. Na Suíça, por exemplo, gastávamos cerca de CHF 15 por dia para comprar pães, queijo, suco, iogurte e até chocolate que ficava muito mais em conta do que qualquer café da manhã ou almoço em restaurantes do país. Na Suíça foi um dos países que mais vimos pessoas praticando a mesma ação e comendo sanduíches caseiros nos lagos e caminhadas que fizemos.

Uma das lembranças mais marcantes da Suíça foi estacionar no Castelo de Chillon,
no finzinho de tarde, sentar nas pedras na beira do lago e comer aquele
sanduíche gostoso com uma vista absurda.
Estávamos sozinhos nos arredores de um castelo maravilhoso na Suíça,
aproveitando o final de um dia incrível. Não podíamos estar mais contentes!
O Castelo de Chillon fica próximo a Montreux, uma cidade deslumbrante.
Veja dicas de o que fazer em Montreux!

Vic andando de bicicleta no Lago Genebra, na Suíça - Viajando barato na Suíça

Vic andando de bicicleta no Lago Genebra, na Suíça. Foto: Bruno/@naproadavida

Como economizar em sua viagem (continuação)

  • Uma coisa um pouco óbvia mas que as pessoas as vezes esquecem é: não coma próximo aos lugares turísticos. Os restaurantes tendem a ser mais caros por serem bem localizados, então escolha bem onde irá comer já que a comida pode ser, além de mais cara, também de qualidade inferior e vir em menor quantidade/tamanho.
  • Dica extra: não deixe de provar a comida local por ser mais cara. Busque opções de restaurantes baratos ou, se for possível, tente cozinhar em sua acomodação. Deixe separado uma quantia de dinheiro somente para experimentar comidas típicas e economize em algumas refeições para gastar em outras e fazer com que o orçamento da sua viagem não se modifique. Uma sugestão, principalmente para doces típicos, é procurar nas padarias dos supermercados já que, geralmente, lá os valores são inferiores aos das docerias. Faça este esforço e eu tenho certeza que não vai se arrepender.

Escolha a melhor acomodação no centro da cidade de Lausanne.

Viajando barato na Suíça: como economizar em sua viagem

A maravilhosa cidade de Lausanne, na Suíça. Foto: Bruno/@naproadavida

Viajando barato na Suíça:

Como economizar em sua viagem (continuação)

  • Escolha trilhas que você não precise pagar por um trem ou teleférico para chegar até o topo. Uma das razões que escolhemos caminhar na montanha Rochers de Naye foi porque era uma caminhada “fácil” e também porque não teríamos que pagar nenhuma entrada ou transporte para chegar no topo. Nós simplesmente paramos o carro no estacionamento público e subimos caminhando. Nesta mesma montanha, se você não quiser subir andando, você pode pagar um trem que custa cerca de CHF 53 por pessoa.
  • Pesquise detalhes sobre as atrações que quer visitar. Por exemplo: nós caminhamos pelo castelo de Gruyéres mas não pagamos a taxa de entrada na torre (que custa CHF 12), já que nos contentamos em observar o castelo de longe e não nos interessamos em ver os aposentos que são parte da exposição paga. Antes de pagar por uma atração veja se você realmente se interessa antes de “sair pagando” e perder seu tempo e dinheiro.
Paisagem maravilhosa de Lavaux Vinorama, na Suíça - Viajando barato na Suíça

Paisagem maravilhosa de Lavaux Vinorama, na Suíça. Foto: Bruno/@naproadavida

Não viaje para a Europa sem seguro viagem! Na Europa o seguro é de extrema importância e, na maioria dos países, os viajantes são obrigados a ter um seguro viagem para o período que passará no continente. Durante a nossa viagem, nós usamos a World Nomads e o suporte foi sensacional e em português, sempre que precisamos. Outro grande parceiro brasileiro é a Seguros Promo, que oferece 5% de desconto para os viajantes leitores do blog que usarem o código NAPROADAVIDA5.
Saúde durante a viagem não é brincadeira, não arrisque viajar sem seguro. 😉

Como economizar em sua viagem (continuação)

  • Alugue uma bicicleta através do site PubliBike. É um pouco mais complicado porque você tem que fazer um cartão mas, assim, você pagará muito mais barato do que as bicicletas disponíveis na rua (que chegam a custar cerca de CHF 15 por hora).
  • Alugue um carro já que as viagens de trem na Suíça são extremamente caras e o transporte público de ônibus é praticamente inexistente. O carro alugado, além de te levar de uma cidade a outra, também te ajuda a se locomover na cidade, se necessário.
  • Antes de alugar o carro pergunte para a locadora quais as permissões de estacionamento do carro. A Suíça é bem rígida com vagas de estacionamento e, por isso, não entre em furadas estacionando em lugares proibidos. Peça o disco de estacionamento e pare somente nos locais com as placas corretas já que, assim, você não terá que pagar nada por até seis horas.
Vinorama Lavaux, na Suíça - Viajando barato na Suíça

Vinorama Lavaux, na Suíça. Foto: Bruno/@naproadavida

Viajando barato na Suíça

  • Sabemos que a hospedagem na Suíça é uma das maiores preocupações então, já que é para gastar, gaste da melhor maneira. Escolha hotéis perto de um dos lagos que deseja visitar ou de uma cidade que seja bem localizada em relação às atrações que quer conhecer. Assim, você além de gastar menos tempo se deslocando, também gasta menos com combustível ou o meio de transporte que tiver escolhido utilizar na Suíça.
  • Se já estiver viajando pela Europa, para chegar na Suíça, pesquise não só vôos e trens mas também ônibus. A Flixbus é uma companhia de transporte rodoviário bastante confiável e tem preços super ótimos. Pesquise todas as opções de transporte disponíveis através do RomeToRio, esse site nos ajudou DEMAIS em nossa viagem pela Europa e Ásia.

Se estiver numa viagem mais longa pela Suíça não deixe de visitar o maravilhoso funicular Gelmerbahn e o lago Gelmersee. Está na nossa lista para a próxima viagem 🙂

Principais gastos em nossa viagem pela Suíça

Como tenho família na Suíça não pagamos hospedagem que, com certeza, é um dos maiores gastos que se tem em uma viagem pelo país. Nossos gastos principais foram com combustível (em seis dias gastamos cerca de CHF 60) e alimentação (cerca de CHF 15 por dia que era a nossa compra de mercado).

Minha prima cozinhava o jantar e, por isso, só nos preocupamos com o café da tarde e almoço, o que nos ajudou BASTANTE na economia. Outro ponto a ser considerado é que não gastamos com o aluguel de carro ou bicicleta já que a minha prima nos emprestou e isso facilitou bastante nosso deslocamento e, novamente, reduziu os gastos.

  • Nosso gasto diário médio para duas pessoas foi de 22 euros.

 

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Uma fazenda gigantesca, rodeada por montanhas e lagos ?? – esse foi o nosso sentimento durante esses dias que passamos no sul da Suíça! Cada lugar mais incrível que o outro, paisagens de tirar o fôlego, vaquinhas e ovelhas no caminho e muito ar puro. A Suíça é um país relativamente pequeno, mas com distâncias grandes e muita coisa pra ver e fazer, principalmente se você gosta de estar em contato constante com a natureza. Uma visita a familiares e amigos num cantinho especial desse mundão. ? ➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖➖ A huge farm surrounded by beautiful mountains and lakes – that’s our impression of Switzerland on the last days we spent here. #suiça #switzerland #europa #swiss #naproadavida #viajando #travel #visitswitzerland #viagem #braroundtheworld #dicasdeviagem #rochersdenaye #nature #mountains #swissalps

Uma publicação compartilhada por Bruno & Victoria | Travel Blog (@naproadavida) em

Eai, gostou das dicas de economizar viajando barato na Suíça? E como foi a sua experiência visitando o país? Conta pra gente aqui nos comentários! Se quiser ver mais fotos ou vídeos sobre a Suíça e outros países da Europa ou Ásia, siga as nossas redes sociais: Instagram, Facebook, Pinterest e YouTube.

Que tal compartilhar?

Indo para a Tailândia?

Conheça os melhores passeios para a sua viagem. Guias, fotógrafos e atendimento em português.

Somos Bruno & Vic, dois viajantes que se conheceram e se apaixonaram trabalhando a bordo de um navio de cruzeiros. Em 2016, saímos em uma viagem ao mundo e, desde então, levamos a nossa vida na estrada. Entre caronas, voluntariados e trabalhos online compartilhamos nossas inúmeras experiências e pouco dessa vida nômade aqui no Blog Na Proa da Vida, veja mais

Planeje sua viagem

seguro viagem

hotéis

chip de internet

trabalho voluntário

passeios & ingressos

transporte pela ásia

Veja mais sobre o mesmo assunto:

Nota: este post pode conter links de parceiros do blog Na Proa da Vida. Isso significa que ao comprar um de seus produtos você estará ajudando na manutenção do nosso blog e do conteúdo de qualidade produzido para você. Não se preocupe, você não paga nadica de nada a mais por isso e ainda nos motiva a conseguir descontos exclusivos, em diversos serviços, para os leitores do Na Proa da Vida. Saiba mais.

Publicado em: Atualizado em Feb 25, 2021
<a href="https://www.naproadavida.com/" target="_blank">Victória</a>
Victória
Nascida em São Paulo, estudou Lazer e Turismo (USP) e tem no DNA a palavra viagem. Ama dar dicas de viagens e contar as experiências que já viveu. Já visitou mais de 45 países e não pretende parar tão cedo.

Pode ser interessante para a sua viagem

E aí, que tal deixar um comentário? ?

1 Comment

  1. Cajuzita

    Lindaaaaaaaaaaaaa.
    Amei as dicas.. Suiça seria o destino da minha próxima viagem,,, mas está sendo um sonho distante, devido ao alto custo… futuramente, quem sabe….

    Responder

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *