Tratado de Schengen: o que é, quais são os países e as regras

Home » Europa » Tratado de Schengen: o que é, quais são os países e as regras

Atualizado em May 8, 2021

Por: Bruno

Atualizado em May 8, 2021

Por: Bruno

O Tratado de Schengen ou Schengen Area, é um acordo firmado entre 26 países europeus, que se uniram com a ideia de estabelecer a livre circulação dos visitantes nos países participantes e, assim, seguirem com regras comuns para controlar fronteiras externas e combater a criminalidade, fortalecendo o sistema judicial comum e a cooperação policial.

Cidade de Lausanne, na Suiça, um dos países do Tratado de Schengen.

Cidade de Lausanne, na Suiça, um dos países do Tratado de Schengen.

Ou seja, nas fronteiras dos países Schengen não existe um processo de imigração ou uma conferência de passaportes, é simplesmente livre para todos os visitantes. O que existe nas fronteiras entre um país e outro é uma placa que divide o território dos dois países e, algumas vezes, uma pequena cabine ao lado, onde os policiais dão tchau ou as boas-vindas aos viajantes.

Bandeiras dos países do Tratado de Schengen.

Bandeiras dos países do Tratado de Schengen.

Tratado de Schengen: o que é, quais são os países e as regras

Países que fazem parte do tratado

O espaço Schengen abrange a maioria dos países da União Europeia, com exceção do Reino Unido (Inglaterra, Escócia e outros), a Irlanda e os países que em breve farão parte: Romênia, Bulgária, Croácia e Chipre. Embora não sejam membros da União Europeia, países como Noruega, Islândia, Suíça e Lichtenstein também fazem parte da Zona Schengen.

Abaixo está uma relação dos países que fazem parte do tratado:

Alemanha
França
Malta
Áustria
Grécia
Noruega
Bélgica
Holanda
Polônia
Dinamarca
Hungria
Portugal
Eslováquia
Islândia
República Tcheca
Eslovênia
Itália
Suécia
Espanha
Letônia
Suíça
Estônia
Lituânia
Liechtenstein
FinlândiaLuxemburgo
Chipre

O Tratado de Schengen e a União Europeia

Mesmo que a maioria dos países do Tratado de Schengen façam parte da União Europeia, é preciso estar atento para não confundir os dois. Alguns países que estão no tratado não fazem parte da União Europeia, como é o caso de Suíça, Noruega, Islândia e o Principado de Liechtenstein.

Existem também os que (ainda) fazem parte da União Europeia, mas não estão na Área do Schengen, como o Reino Unido e Irlanda. Isso pode significar que, mesmo em países que fazem parte da União Europeia, você pode precisar de visto de entrada e existe um controle de fronteiras, pois estão fora do tratado de Schengen.

Mapa com os países da Europa e o Tratado de Schengen.

Mapa com os países da Europa e o Tratado de Schengen. | Reprodução: European comission

Seguro Viagem obrigatório para o Tratado de Schengen

O Tratado de Schengen também estabeleceu a contratação de um seguro viagem obrigatório no valor mínimo de €30.000 (euros) para todos os turistas que visitam o espaço Schengen. O objetivo dessa regra é garantir que o visitante possa pagar as possíveis despesas médicas que possam surgir durante a viagem, inclusive em caso de óbito.

Documentos obrigatórios para entrar no Tratado de Schengen

Embora a fiscalização nos aeroportos não seja assim tão rigorosa, é sempre bom estar com todos os documentos necessários para entrar na Europa, assim como reservas de hospedagens, transportes e qualquer documento que comprove a sua estadia no continente e, principalmente, nos países da Área Schengen. Os documentos obrigatórios são:

  • Passaporte com validade superior a 6 meses.
  • Passagem de ida e volta ou de saída do Espaço Schengen.
  • Comprovante de reservas de hospedagem ou contato de amigo/pessoa que vai te hospedar
  • Seguro Viagem: Uma apólice de assistência médica com a cobertura mínima de 30 mil euros. Faça uma cotação de Seguro Viagem para a Europa. Utilize o cupom NAPROADAVIDA10 para garantir até 15% de desconto na compra do seguro.
  • Comprovação de valor financeiro suficiente para se manter no espaço pelo período informado.
  • Veja essa lista atualizada pelo blog Viciada em Viajar com os países abertos para brasileiros durante a pandemia do coronavírus.
Bandeira da União Europeia com a céu azul da Itália. | Foto: Bruno/@naproadavida

Bandeira da União Europeia com a céu azul da Itália. | Foto: Bruno/@naproadavida

Perguntas frequentes feitas na entrada na Europa/Espaço Schengen

Já entramos na Europa diversas vezes e, na grande maioria das vezes, eles não perguntam muito. Mas da última vez que entramos em Düsseldorf, na Alemanha, nos fizeram algumas perguntas e as nossas respostas estão abaixo:

1) Onde estão as passagens de volta ao Brasil?

Nós não tínhamos uma passagem de volta, pois estávamos vindo da Tailândia e a ideia não era voltar ao Brasil após os 90 dias de estadia no espaço Schengen. Faríamos algo parecido com o que fizemos no ano anterior, quando viajamos de carona da Rússia à França, saindo e entrando no espaço para não exceder os 90 dias.

2) Quanto tempo vão ficar na área Schengen?

80 dias. Não tínhamos um roteiro fechado, mas sabíamos que teríamos de alternar entre os países que não fazem parte do tratado. Se você tiver tudo certinho, diga o período exato.

3) Onde vão se hospedar e onde está a reserva de hotel?

Nós ficaríamos na casa de amigos em Berlim e na Itália, e foi isso que informamos. Na Europa nós também usamos muito o Couchsurfing. Se este for o caso, tenha em mãos o contato do amigo/anfitrião ou a reserva de seu hotel.

 

 

4) Vocês possuem Seguro Viagem com o valor mínimo de 30 mil euros?

Sim! Nós sempre viajamos desde o início desta longa viagem (2016) cobertos por Seguro Viagem. Nós simplesmente mostramos a apólice do seguro da World Nomads e eles entenderam que estávamos viajando por bastante tempo. Dica: é importante (se possível) colocar na apólice os países visitados, para não enfrentarem o mesmo problema que tivemos na Bielorrússia.

5) Quanto de dinheiro vocês possuem para esta viagem na Europa?

Respondemos o que realmente tínhamos em mãos, mas também mostramos os extratos de conta bancária e limites de cartão de crédito. Para eles isso foi suficiente e imediatamente carimbaram os nossos passaportes.

E aí, gostou das dicas? Tem alguma dúvida ou informação importante sobre o Tratado de Schengen? Conta pra gente aqui nos comentários! Se quiser ver mais fotos ou vídeos sobre os países da Europa, siga as nossas redes sociais: Instagram, Facebook, Pinterest e YouTube.

Veja também:

Que tal compartilhar?

Indo para a Tailândia?

Conheça os melhores passeios para a sua viagem. Guias, fotógrafos e atendimento em português.

Somos Bruno & Vic, dois viajantes que se conheceram e se apaixonaram trabalhando a bordo de um navio de cruzeiros. Em 2016, saímos em uma viagem ao mundo e, desde então, levamos a nossa vida na estrada. Entre caronas, voluntariados e trabalhos online compartilhamos nossas inúmeras experiências e pouco dessa vida nômade aqui no Blog Na Proa da Vida, veja mais

Planeje sua viagem

seguro viagem

hotéis

chip de internet

trabalho voluntário

passeios & ingressos

transporte pela ásia

Veja mais sobre o mesmo assunto:

Nota: este post pode conter links de parceiros do blog Na Proa da Vida. Isso significa que ao comprar um de seus produtos você estará ajudando na manutenção do nosso blog e do conteúdo de qualidade produzido para você. Não se preocupe, você não paga nadica de nada a mais por isso e ainda nos motiva a conseguir descontos exclusivos, em diversos serviços, para os leitores do Na Proa da Vida. Saiba mais.

Publicado em: Atualizado em May 8, 2021
i
Categorias: Europa | Islândia | Planejamento
<a href="https://www.naproadavida.com/" target="_blank">Bruno</a>
Bruno
Já morei numa casa de lata flutuante onde o maior prazer era descobrir os sete mares. Trabalhei nos maiores eventos esportivos do mundo e vi o Bolt voando para mais um ouro no Rio de Janeiro. Hoje viajo o mundo sem data de volta para casa, na verdade, tenho chamado o mundo de minha casa. Não conto quantos países conheci pelo número de carimbos no passaporte, pois às vezes conheço dez países dentro de um só. Mergulhador e amante do oceano, amo aprender novos idiomas e coisas novas e escrevo sobre algumas das minhas aventuras no Na Proa da Vida.

Pode ser interessante para a sua viagem

E aí, que tal deixar um comentário? ?

7 Comentários

  1. Fernanda Scafi

    Eu sempre confundo os países da União Europeia com os do Tratado de Schengen rs, mas pra quem não vai ultrapassar os 90 dias, não faz diferença rs Nem tinha parado para imaginar que Schengen é uma cidade até ouvir isso da guia do meu walking tour na Cidade de Luxemburgo pq Schengen fica ali pertinho rs

    Responder
  2. Sil Mendes

    Muito esclarecedor esse seu post, pois são muitas as pessoas que não sabem os países que fazem do Tratado de Schegen. Esse tratado facilitou bastante o trânsito entre os países europeus!

    Responder
    • Victória Farina

      Com certeza o Tratado de Schengen é uma facilidade enorme entre os países da Europa 🙂

      Responder
  3. Danielle

    Muita gente se confunde sobre os países que fazem parte da União Européia e do Tratado de Schegen. Muito bem elaborado o post para tirar toda essa dúvida!
    Achei bem interessante a circulação de vocês pela Europa. Não sei se entendi bem, mas quando estava perto para terminar o prazo de 90 dias, vocês iam para um país fora da União Européia e depois voltavam, iniciando novamente a contagem de dias. Entendi certo?! Como fiseram com o seguro saúde? contrataram um com prazo de 1 ano?

    Responder
  4. Cleo

    Muito esclarecedor e importante teu post sobre
    Tratado de Schengen. Gostei?

    Responder
  5. Marina

    Com certeza o Tratado de Schengen facilitou bastante o deslocamento entre países na Europa! Imagina ter que fazer imigração em cada fronteira…

    Responder
  6. Debora

    O post sobre o tratado de Schengen me esclareceu algumas dúvidas que eu tinha. Obrigada

    Responder

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *